gengibre

criativo

rizoma-01.png

Como um mapa que se espalha em todas
as direções, se abre e se fecha, pulsa,
constrói e desconstrói. Cresce onde há
espaço, floresce onde encontra
possibilidades, cria seu ambiente.
Se trata de ciência? Isso importa?
São apenas agenciamentos, linhas
movendo-se em várias direções, escapando
pelos cantos, o desejo segue direções, se
esparrama, faz e desfaz alianças.
Chame do que quiser então: “riacho sem
início nem fim, que rói suas duas margens

e adquire velocidade no meio” 

Deleuze & Guattari, Mil Platôs I.

Nós nos unimos para pensar novas formas de fazer projetos, num trabalho colaborativo e regenerativo– um rizoma que busca a integração dos saberes que nos unem em prol da transformação de conceitos e conteúdos em experiências únicas, aprendizados transversais e programas criativos.

 
 

nosso trabalho

O gengibre criativo nasceu de um desejo de revigorar a prática de trabalho de cada um de nós, sem, no entanto, abandonar nossas atividades, parcerias e projetos já existentes. Como todo rizoma é aberto, sem hierarquias, e está pronto para crescer em outras direções.

 

Nossa comunidade transita pelos temas que envolvem a cidade, o meio ambiente, a cultura e a educação, para os quais pretendemos, sempre, construir experiências com propósito e relevância.

Arquitetura e estratégias, para projetos, pautadas pela inovação, analises setoriais, planejamento integrado, investigações e diagnósticos, curadorias de conteúdo, estão entre os trabalhos desenvolvidos pelo nosso rizoma.

Nossa metodologia reúne processos e linguagens únicas para cada experiência em que atuamos, sempre de forma condensada, participativa e impregnada pelos indicadores do tempo presente – numa mediação cuidadosa entre o passado e o futuro.